Vai para o PCdoB? Carlos Eduardo, sendo senador de Fátima, terá que deixar o PDT

Ciro Gomes candidato a presidente, impede que Carlos Eduardo suba no palanque do PT, estando no PDT


O PT não admite composição, em circunstância nenhuma, com partido que tenha candidato à presidência, no primeiro turno.

O PCdoB deverá ser o caminho natural de Carlos Eduardo, ele aceitando ser o senador da chapa de Fátima Bezerra.

Outro caminho que Carlos Eduardo teria era o CIDADANIA de Wober Junior e Júlio Protásio, mas vai depender de como serão as "federações" partidárias.

O PDT pode "federar" com CIDADANIA, mas o partido de Júlio Protásio (que não é o mesmo de Ana Paula, a vereadora e esposa de JP) está prestes a fechar causa com o PSDB ou PODEMOS, numa futura federação. A decisão deverá ser no dia 15 desse mês. 

O PCdoB vai federar com o PT, PSB e PV, tudo quase resolvido entre as cúpulas dos partidos "lá em cima". 

Sendo assim, Carlos Eduardo poderia escolher qualquer um desses que tudo ficaria em paz. 

Mas, Carlos deixando o PDT, com quem ficaria o comando da legenda em Natal? 

A nacional deixaria o partido ainda sob o comando do futuro senador? 

Aíla Ramalho, vice-prefeita da capital, assumiria? 

Um dos cinco vereadores do partido tomaria às rédeas da legenda? Nina Souza, Paulinho Freire, Robson Carvalho, Aldo Clemente ou Felipe Alves?

Em tempo: Carlos já está na chapa de Fátima, quem estará na chapa de Rogério Marinho. Ezequiel topará? 

Em tempo 2: o fogo amigo começou a disparar balas de canhão. Robério diz que a "esquerda" não vota em Carlos, de jeito nenhum. Jean Paul Prates já derramou críticas a decisão de Fátima. Mineiro calou, mas resmunga. Natália já gritou aos quatro cantos que CE não é confiável, etc, etc. 

Postar um comentário

0 Comentários