Desespero do PT. Blogueiros e mídia oficial apontam crimes onde não tem

Samanda quer ganhar a vaga de Mineiro. Se cuida, Fernando!


Pré-candidata do PT, precisando de holofotes, entra com ação contra o presidente da república, dois ministros, um deputado federal e um pré-candidato ao senado do Espirito Santo.

Samanda Alves, primeira dama do PT do RN, achou logo de sair na frente e correu em busca da "luz".

Samanda é pré-candidata de Fátima Bezerra a deputada federal. Ela concorre com Fernando Mineiro, Natália Bonavides, Rafael Motta, Milklei Leite, Alexandre Motta e outros por duas ou três vagas na Câmara Federal.

Conversei com o advogado eleitoral Donnie Santos sobre o "grande crime". Ele contextualizou toda a acusação e opinou: "os atores acionados na ação, pelo que assisti, não pediram votos ou anteciparam o pleito. Nem Bolsonaro, Girão, Fábio Faria ou Rogério Marinho pediram votos pra ninguém. Sendo assim, acho que não terão problemas", explicou Donnie.

Vejam a desesperada tentativa da mídia petista em enquadrar o "enquadrável" em crime eleitoral.

Twitter de Bruno Barreto, Blogueiro de Fátima Bezerra e de Isolda Dantas:


"Pincei a parte mais importante do discurso histérico de Magno Malta: a que ele comete crime eleitoral no RN. A indireta de que Lula faz preces a Mao Tsé-Tung fica como bônus de doses inseguras de humor involuntário".

Notícia do Novo Jornal, parceiro do Governo do Estado:

Por NOVO 
Notíciasfevereiro 9, 2022, 21h47

"Pré-canditada a deputada federal, Samanda Alves, entra com representação contra o presidente Bolsonaro, ministro e deputado.

Também são alvos da representação o ministro das Comunicações, Fábio Faria; e o deputado federal General Girão (PSL), todos por propaganda eleitoral antecipada e abuso de poder político".

Vídeo do crime. Vai dar uns 30 anos de cadeia, forca, paredão chinês, cadeira elétrica, etc.

Momento do crime brutal. 
Cenas inadequadas para pessoas emocionalmente abaladas. 
Tirem as crianças da sala.


Postar um comentário

0 Comentários